JOGOS PERVASIVOS: EDUCAÇÃO, CULTURA E CIDADE DIGITAL

Luiz Adolfo Andrade

Resumo


O presente artigo discute a noção de cidade digital buscando identificar sua relevância para a educação, usando como referencial a experiência em games conhecidos como jogos pervasivos. A hipótese sustenta que a categoria dos jogos pervasivos tende a figurar como ferramenta de aprendizado no contexto das cidades contemporâneas, com base em ferramentas cognitivas habilitadas pelo entretenimento na cultura digital. Os jogos são considerados fenômenos transculturais que acompanham a humanidade desde seus primórdios, sempre relacionados a algum tipo de aprendizado ou ganho cognitivo. A cultura digital, que anteriormente usava como referencial a computação pessoal, atualmente está vem sofrendo reconfigurações, ganhando ubiquidade através de dispositivos móveis, gadgets, etiquetas RFID, QRCodes, redes sem fio etc. A cidade digital, graças à sua infraestrutura, pode ser tornar locus para a disputa dos jogos pervasivos.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .